conecte-se conosco


POLÍTICA

Vereador do MBL é expulso do Patriota após criticar Flávio Bolsonaro

Publicado em

POLÍTICA

source
Vereador Rubinho Nunes, membro do MBL
Reprodução Redes Sociais

Vereador Rubinho Nunes, membro do MBL

O vereador por São Paulo Rubinho Nunes (sem partido), foi  expulso do Patriota após ser denunciado por indisciplina partidária.

Rubinho, que também é advogado do Movimento Brasil Livre ( MBL ), revelou que a decisão de sua expulsão foi tomada após ele criticar a ida do senador Flávio Bolsonaro ao partido. “Adotei uma linha contrária, pesada. Não concordo (com a filiação de Bolsonaro)”, declara à Folha de S.Paulo.

 O advogado revela que ao se filiar, foi garantido que nenhum membro da família Bolsonaro iria se filiar ao partido. Todavia, assim como Flávio, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tem negociações para se juntar a sigla.

Não estou a fim de brigar, mas não vou anuir e concordar com a presença de figuras criminosas como os Bolsonaros”, diz o vereador, que não irá recorrer da decisão do partido. “Eu não faço fileira com a família Bolsonaro, com bandido, criminoso (…) Vou tocar a minha vida bem longe deles”, completa.

Leia mais:  Eduardo Leite aceita convite para ser "alternativa a Doria" no PSDB em 2022

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍTICA

Vídeo: Bolsonaro diz que vetará passaporte da vacina: “privamos pela liberdade”

Publicados

em

Por

source
Bolsonaro em live nesta quinta
Reprodução

Bolsonaro em live nesta quinta

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse, na live desta quinta-feira (17), que o texto do Projeto de Lei 1.674/2021, popularmente chamado de “passaporte da vacina” será vetado por ele caso seja aprovado na Câmara dos Deputados e no Senado. (Veja o vídeo abaixo)

“O nosso propósito é, caso passe isso aí [na Câmara] porque nós primamos pela liberdade. Não pode obrigar as pessoas a tomar vacina. Liberdade acima de tudo. Se alguém quiser demitir alguém alegando que não tomou vacina, isso vai ocorrer. Por justa causa, talvez”, alegou.

Segundo o texto do PL ‘Certificado de Imunização e Segurança Sanitária (CSS)’, o documento vai permitir que pessoas vacinadas ou que testaram negativo para covid-19 circulem em espaços públicos ou privados onde há restrição de acesso. O documento é inspirado no Certificado Verde Digital, aprovado pela União Europeia ainda em março.


Comentários Facebook
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana