conecte-se conosco


CIÊNCIA E SAÚDE

Prefeitura de Patos de Minas confirma mais uma morte por Covid-19 e 45 casos

Publicado em

CIÊNCIA E SAÚDE

As internações pela doença seguem em baixa, havendo leitos disponíveis tanto no setor público, quanto no privado.

A Prefeitura Municipal de Patos de Minas confirmou na tarde desta quarta-feira (28) mais uma morte por Covid-19. Também foram confirmados mais 45 casos de coronavírus. As internações pela doença seguem em baixa, havendo leitos disponíveis tanto no setor público, quanto no privado.

De acordo com o Boletim Municipal, a Capital do Milho passou de 411 mortes pela doença para 412. A última morte é de uma mulher de 56 anos e aconteceu nessa terça-feira (27).

O cenário das mortes em Patos de Minas é o que mais preocupa. A letalidade é maior do que a média estadual e nacional, tanto no número de mortes por caso de coronavírus, quanto de óbitos por 100 mil habitantes.

Considerando que o Brasil tem 211.800.000 habitantes, 395.022 mortes por Covid-19-  e 14.441.563 casos de coronavírus, a média de mortes por 100 mil habitantes é de 186,50. Já Minas Gerais tem 21.292.666 habitantes, 32.985 mortes por Covid-19 e 1.342.892 casos de coronavírus, a média de óbitos pela doença é de 154,91 a cada 100 mil habitantes. E finalmente, Patos de Minas com 153.585 habitantes, 412 mortes por Covid-19 e 13.110 casos de coronavírus, tem a média de mortes por 100 mil habitantes é de 268,25.

Leia mais:  Coronavírus: UFTM não sofre alteração em pesquisas e orçamento de 2020

Com relação à letalidade do vírus, o cenário patense continua pior. No Brasil é de 1 morte a cada 36,55 infectados. Em Minas Gerais, 1 morte a cada 40,71 infectados,  e em Patos de Minas conta com 1 morte a cada 31,89 infectados.

Houve a confirmação também de 45 novos, passando de 13065 para 13110, havendo 234 se recuperando em casa e 12.415 já foram curados. O número de internados na cidade, incluindo pacientes suspeitos e de cidades vizinhas, está em 81, sendo 41 em leitos clínicos e 40 em UTIs.

A ocupação dos leitos públicos e privados está em 75,47% dos clínicos e 88,89% das UTIs. O setor público está com 44,12% dos leitos clínicos ocupados e 86,67% das UTIs. A ocupação total dos leitos está em 65,32%.

Por: Patos hoje

Comentários Facebook
Propaganda

CIÊNCIA E SAÚDE

Mais de 100 mil doses da Coronavac chegam a Minas Gerais

Publicados

em

Os imunizantes serão utilizados na retomada da vacinação de quem já recebeu a primeira dose.

Na manhã deste sábado (8/5), chegou ao estado a complementação da 18ª remessa da vacina contra a covid-19, em mais uma etapa da maior operação de vacinação da história de Minas Gerais. As 100.200 doses da Coronavac desembarcaram no Aeroporto de Confins e são destinadas à aplicação da segunda dose. A primeira parte dessa remessa chegou na última quinta-feira (5/5), com 396.500 doses da vacina AstraZeneca.

“As doses que chegaram hoje e as que estão previstas para a próxima semana serão suficientes para que os municípios retomem a vacinação das pessoas que só tomaram a 1ª dose da Coronavac e assim alcancem a imunidade. É importante que aqueles que só receberam a primeira dose, mesmo já ultrapassados os 28 dias de intervalo recomendado, se encaminhem ao posto de saúde para receber a segunda dose da vacina. A imunidade só é alcançada com a aplicação das duas doses da Coronavac”, afirmou o secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti.

Logística

Os imunizantes da Coronavac foram levados para a Rede de Frio estadual, em Belo Horizonte, e de lá serão distribuídos para as 28 Unidades Regionais de Saúde (URSs) a partir de segunda-feira. A logística de distribuição do 18º lote para as URSs segue diretrizes da maior operação de vacinação da história de Minas Gerais.

Leia mais:  CARRETA DO HOSPITAL DO AMOR DE BARRETOS EM LIMEIRA DO OESTE

Com esta remessa, Minas Gerais totaliza o recebimento de 8.030.340 doses de vacina contra a covid-19. A chegada de milhares de doses de vacina da AstraZeneca e também da Pfizer, nos últimos dias, vai permitir que Minas Gerais avance ainda mais na imunização dos grupos prioritários.

Ranking

Durante a coletiva de imprensa realizada  sexta-feira (7/5), Fábio Baccheretti informou que Minas Gerais ocupa o 6º lugar em vacinação proporcional da população. Em março, o estado ocupava o 17º lugar. “Estamos subindo, melhorando, e o papel dos municípios é fundamental para este desempenho”, afirma o secretário.

A distribuição das doses pode ser acompanhada no site do Vacinômetro da SES-MG: https://coronavirus.saude.mg.gov.br/vacinometro.

Acompanhe o quantitativo de cada remessa:

1ª remessa
577.480 doses da CoronaVac em 18/1/2021

2ª remessa
190.500 doses de AstraZeneca em 24/1/2021

3ª remessa
87.600 doses da CoronaVac em 25/1/2021

4ª remessa
315.600 doses da CoronaVac em 7/2/2021

5ª remessa
220.000 doses da AstraZeneca e 137.400 doses da CoronaVac em 23/2/2021

6ª remessa
285.200 doses da CoronaVac em 3/3/2021

Leia mais:  Umidade relativa do ar chega a 11% em Rio Preto e Defesa Civil emite alerta

7ª remessa
303.600 doses da CoronaVac em 9/3/2021

8ª remessa
509.800 doses de CoronaVac em 17/3/2021

9ª remessa
86.750 doses da AstraZeneca e 455.800 doses da CoronaVac em 20/3/2021

10ª remessa
116.600 doses de AstraZeneca e 359.000 doses de CoronaVac em 26/3/2021

11ª remessa
73.250 doses de AstraZeneca e 943.400 doses de CoronaVac em 1/4/2021

12ª remessa
257.750 da AstraZeneca e 220.400 da Coronavac, em 8/4/2021

13ª remessa
426.000 da AstraZeneca e 275.200 da CoronaVac, em 16/4/2021

14ª remessa
316.750 doses da AstraZeneca e 73.800 da CoronaVac, em 23/4/2021

15ª remessa
578.000 doses da AstraZeneca e 11.800 doses da Coronavac, em 29/4/2021

16ª remessa
30.400 doses da Coronavac, em 1/5/2021 e 676.250 doses da AstraZeneca, em 03/5/2021

17ª remessa
50.310 doses da Pfizer, em 03/5/2021

18ª remessa
396.500 doses da AstraZeneca, em 06/5/2021 e 100.200 doses da Coronavac, em 08/5/2021

Total: 8.030.340 doses

Por: Agência Minas

Comentários Facebook
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana