conecte-se conosco


POLÍTICA

Oposição no Congresso vai apresentar novo pedido de impeachment de Bolsonaro

Publicado em

POLÍTICA

source
Deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ)
Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ)

Líderes da oposição e da minoria no Congresso vão apresentar um novo pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nesta quarta-feira (31).

O pedido, que é assinado pelo deputados federais Marcelo Freix o (PSOL-RJ) e Arlindo Chinaglia (PT-SP) e os senadores Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e Jean Paul Prates (PT-RN), fala em “uso inconstitucional das Forças Armadas para atacar a democracia”.

Nesta seguda-feira (29), Bolsonaro fez um reforma ministerial que envolveu a troca no comando de seis pastas, entre elas a da Defesa, que passou a ser comandada pelo general Braga Netto. O militar substituiu Fernando Azevedo e Silva, que deixou o ministério por não sinalizar apoio a Bolsonaro nas Forças Armadas.

A demissão do então ministro pegou os líderes das Forças Armadas de surpresa e, nesta terça-feira (30), os três (Exército, Aeronáutica e Marinha) entregaram seus cargos.

Leia mais:  Toffoli rebate ataques e diz que 'É natural que o STF não agrade a todos'

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍTICA

Daniel Silveira e blogueiro bolsonarista são cotados pelo PTB para o Senado

Publicados

em

Por

source
Daniel Silveira (PSL-RJ) está em prisão domiciliar por divulgar vídeo com ameaças a ministros do STF
Vinicius Loures/Câmara dos Deputados

Daniel Silveira (PSL-RJ) está em prisão domiciliar por divulgar vídeo com ameaças a ministros do STF

O PTB de Roberto Jefferson articula as candidaturas do blogueiro bolsonarista Oswaldo Eustáquio e do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) para o Senado nas eleições de 2022, além de cogitar também o nome do ex-senador Magno Malta . As informações são do Congresso em Foco .

Silveira, réu no Supremo Tribunal Federal (STF) por incitar violência física contra ministros da própria corte, está em prisão domiciliar com usa tornozeleira eletrônica tem discurso alinhado ao de Roberto Jefferson.

No final de fevereiro, ele chegou a anunciar a filiação do deputado fluminense ao partido. Até hoje, porém, Silveira continua no PSL e poderia perder o cargo caso mudasse de partido.

Magno Malta, que um dia já foi cotado a vice-presidente de Jair Bolsonaro (sem partido) em seu primeiro mandato, hoje tem pouca participação política e ainda se mantém filiado ao PL (Partido Liberal).

Leia mais:  XP/Ipespe: Covas amplia vantagem em SP; Boulos tem 15% e Russomanno, 12%

Comentários Facebook
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana