conecte-se conosco


Tecnologia

Google trabalha para deixar desbloqueio facial do Pixel 4 mais seguro; entenda

Publicado em

Tecnologia

source

Olhar Digital

pixel 4 arrow-options
Divulgação/Google

Google quer melhorar a segurança no desbloqueio do Pixel 4


Um dos principais recursos do Google Pixel 4 é que ele adiciona um novo e seguro recurso de desbloqueio facial , no lugar de um sensor de impressão digital . Acontece que “seguro” é um termo relativo, pois o celular será desbloqueado mesmo que seus olhos estejam fechados, o que preocupa alguns usuários.

“Se algum usuário do Pixel 4 estiver preocupado com a possibilidade de alguém pegar seu telefone e tentar desbloqueá-lo enquanto seus olhos estão fechados, eles podem ativar um recurso de segurança que requer um PIN, padrão ou senha para o próximo desbloqueio”, disse o Google . “Esse recurso é a opção ‘bloqueio’ que aparece quando você pressiona o botão liga/desliga”.

Leia também: Google lança aplicativo que transcreve áudio em tempo real; conheça

A empresa ainda diz que “está trabalhando em uma opção para exigir que os usuários tenham seus olhos abertos para desbloquear o telefone, que será entregue em uma atualização de software nos próximos meses”. Segundo ela, o recurso de desbloqueio facial foi projetado para melhorar com o tempo com futuras atualizações de software.

Leia mais:  Auditoria de direitos civis critica Facebook por não ter removido publicações de Donald Trump

Houve vazamentos de um botão “exigir que os olhos estejam abertos” nas configurações de desbloqueio facial do Pixel 4, mas o botão não está presente nos telefones que o Google mostrou em seu evento, nem nos telefones atualmente distribuídos. “A identificação facial do Pixel 4 atende aos requisitos de segurança , como uma biometria forte, e pode ser usado para pagamentos e autenticação de aplicativos , incluindo os bancários”, concluiu o Google .

Comentários Facebook
Propaganda

Economia

Banco do Brasil libera uso do PIX em seu bot para WhatsApp

Publicados

em

Aproveitando a boa recepção do público, o Banco do Brasil se tornou a primeira instituição financeira do país a liberar o uso do PIX pelo WhatsApp. A novidade foi anunciada nesta semana e funciona de forma relativamente simples.

O usuário só precisa chamar o Banco do Brasil no WhatsApp (61 4004-0001), cadastrar sua conta e escrever a palavra PIX. Após isso, o mensageiro deve exibir um menu com as opções de pagar, receber ou cadastrar chave PIX.

Imagem/Reprodução: mobiletime

O bot usado pelo Banco do Brasil foi anunciado no ano passado e já faz uma série de outras operações. Caso o usuário já tenha se cadastrado no PIX, o uso da ferramenta no WhatsApp é ainda mais fácil:

Em casos de pagamento, o assistente virtual deve solicitar a chave PIX do recebedor e o valor. O banco deve informar o nome e a instituição de destino para confirmar a transação. Caso tudo esteja certo, basta apenas responder “sim” para receber um link seguro onde será necessário digitar a senha. Após essa etapa, o comprovante é exibido no mensageiro e pode ser compartilhado.

Caso o usuário queira receber, basta apenas escolher a opção no menu e informar a chave de recebimento, valor e descrição. Assim, o WhatsApp deve exibir um QR Code para ser compartilhado com o pagador. Vale lembrar que o Banco do Brasil é parceiro do sistema de pagamentos do WhatsApp, que ainda não foi liberado pelo Banco Central.

Leia mais:  Empresa 'bombardeia' nuvens com água para barrar chuvas em São Paulo durante o carnaval

FONTE: https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n166485/banco-do-brasil-pix-whatsapp-bot-pagamentos.html

Comentários Facebook
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana