conecte-se conosco


ITURAMA E REGIÃO

Após temporal, BH entra em alerta de risco geológico

Publicado em

ITURAMA E REGIÃO

https://globoplay.globo.com/v/8249260/

Após o temporal que castigou principalmente as regiões Oeste e do Barreiro, a Defesa Civil de Belo Horizonte decretou alerta de risco geológico na noite deste domingo (19). Segundo a Defesa Civil, o alerta, que vale até quarta-feira (22), é emitido quando há iminência de deslizamentos de terra e desabamentos causados por encharcamento de solo.

De acordo com a Defesa Civil, quando chove acima de 50 mm em dois dias ou 70 mm em três dias, o solo fica saturado e a grande quantidade de água infiltrada pode gerar riscos.

Em pouco mais de duas horas de chuva nesta tarde , o acumulado por regional foi de:

  • Barreiro – 98,8 mm
  • Centro-Sul – 52,0 mm
  • Leste – 48,0 mm
  • Nordeste – 11,6 mm
  • Noroeste – 34,0 mm
  • Norte – 1,0 mm
  • Oeste – 102,4 mm
  • Pampulha – 6,2 mm
  • Venda Nova – 55,8 mm

Nesta tarde, a Avenida Vilarinho, em Venda nova, teve o trânsito fechado às 15h por conta de alagamentos. A Avenida Tereza Cristina, na Região Oeste, também foi bloqueada para tráfego, porque o Ribeirão Arrudas transbordou em alguns pontos. Também choveu forte na região Centro-Sul, com enxurrada registrada na Avenida Olegário Maciel. Contagem também foi afetada.

Leia mais:  Prefeitura abre cadastro para artistas e espaços culturais

Ao longo da tarde, o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais recebeu 67 chamadas relacionadas ao temporal. A maioria veio de pessoas que ficaram ilhadas ou tiveram as casas tomadas pela água. O helicóptero da corporação auxiliou na retirada de uma família de cinco pessoas que estavam presas em sua casa, no bairro Camargos.

Chuvas atingem grande BH e alagamentos bloqueiam avenidas

Chuvas atingem grande BH e alagamentos bloqueiam avenidas

Recomendações:

  • Coloque calha no telhado da sua casa
  • Conserte vazamentos em reservatórios e caixas-d’água
  • Não jogue lixo ou entulho na encosta
  • Não despeje esgoto nos barrancos
  • Não faça queimadas

Sinais de que deslizamentos podem acontecer:

  • Trinca nas paredes
  • Água empoçando no quintal
  • Portas e janelas emperrando
  • Rachaduras no solo
  • Água minando da base do barranco
  • Inclinação de poste ou árvores
 Por: G1

Comentários Facebook
Propaganda

ITURAMA E REGIÃO

Itapagipe: Município busca parceria com usina Bunge para novos empregos

Publicados

em

O prefeito Ricardo Garcia recebeu nesta segunda-feira, dia 14 de junho, alguns gerentes da Usina Bunge, em busca de parcerias com a empresa que possam gerar mais empregos aos itapagipenses.
Ricardo agradeceu aos presentes, colocando-se à disposição, juntamente com a Administração Pública, no que o Município puder contribuir com a usina para que possa ser contratado o maior número possível de itapagipenses.

Estiveram presentes os Gerentes Industrial Régis Bottina, Agrícola Alysson Sford, Coordenador de Saúde e Segurança Denis Rodrigo e a Coordenadora de RH Fernanda Brito, além dos Secretários Vaine, Cassiano, Luiz Gustavo, Ananias e Marcelo.

O gerente industrial Régis disse ter 152 colaboradores da região. Alisson, gerente Agrícola, informou que tem 310 colaboradores na sua área, ressaltando que o maior problema encontrado pela usina hoje é a rodovia MG 255, em razão da má conservação do asfalto e da ausência de sinalização. Ricardo disse que, em contato telefônico com o Secretário de Infraestrutura de Minas, Fernando Markato, foi informado de que a rodovia será recapeada até Iturama.

Leia mais:  Determinação da Arsae para devolução de tarifas a usuários da Copasa tem início em julho

O coordenador de Saúde disse que a usina tem dado total apoio aos funcionários nessa pandemia, com muitas testagens e amparo às famílias em casos de contaminação de seus colaboradores.

A coordenadora do RH parabenizou a Administração na luta contra a COVID-19, disse que a Bunge conta com 383 colaboradores de Itapagipe e que o maior gargalo encontrado é a mão de obra qualificada, ressaltando que às vezes é preciso contratar em outros municípios.

Vaine sugeriu que sejam informados os tipos de qualificação mais exigidas pela usina para que a Administração possa buscar alternativas de cursos, lembrando que o Município tem uma carta de intenções com o SEBRAE, e já é considerada a primeira cidade empreendedora nessa região.

Por: Portari

Comentários Facebook
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana