conecte-se conosco


Tecnologia

Subaru faz recall de 6 modelos por ‘airbags mortais’

Publicado em

Tecnologia

Subaru anunciou no Brasil o recall em 2.658 unidades de 6 modelos por defeito no airbag do passageiro. Legacy, Outback, Imprenza, WRX, STI e Forester foram convocados para que seus proprietários levem os veículos para o reparo nas concessionárias.

A empresa, que é representada pela Caoa no Brasil, informa que os airbags podem projetar fragmentos metálicos no interior do veículo. A falha em dispositivos da empresa japonesa Takata gerou um recall de milhões de veículos em todo o mundo, deixando dezenas de mortos, no caso conhecido como “airbags mortais”.

primeira morte no país em decorrência do problema foi revelada na semana passada em um carro da Honda, no Rio de Janeiro.

Veja os chassis envolvidos:

  • Legacy ano/modelo 2005 a 2014 data de fabricação de 2/9/04 a 21/11/13 números de chassis (não sequenciais) de AG002878 a 9G053112;
  • Outback ano/modelo 2004 a 2014 data de fabricação de 7/4/04 a 23/11/13 números de chassis (não sequenciais) de AG005338 a EG174677;
  • Imprenza ano/modelo 2008 a 2011 data de fabricação de 4/12/07 a 20/9/11 números de chassis (não sequenciais) de 9G002406 a BG086071;
  • WRX ano/modelo 2005 a 2014 data de fabricação de 2/9/04 a 14/11/13 números de chassis (não sequenciais) de 9G006017 a CG086895;
  • STI ano/modelo 2011 a 2013 data de fabricação de 30/7/10 a 3/10/12 números de chassis (não sequenciais) de BG014852 a BG081858;
  • Forester ano/modelo 2009 a 2012 data de fabricação de 3/4/08 a 21/3/12 números de chassis (não sequenciais) de 9G016884 a CG298583.
Leia mais:  Praga digital ataca brasileiros com mensagens sobre o coronavírus e comandos escondidos em canais do YouTube

No comunicado, a empresa informa que devido a uma eventual falha de vedação do airbag do lado do passageiro dianteiro, poderá haver infiltração de umidade, alterando as características do propelente.

Em caso de colisão frontal em que aconteça o acionamento desse airbag, poderá existir uma força de deflagração acima do especificado, ocasionando o rompimento da estrutura do insuflador e, consequentemente, a projeção de fragmentos metálicos no interior do veículo junto com a bolsa deflagrada. Estas condições poderão causar lesões físicas graves ou fatais aos ocupantes do veículo.

Os proprietários dos veículos envolvidos deverão agendar a inspeção ou substituição do conjunto da bolsa do airbag do lado do passageiro em uma concessionária da marca. Para mais informações a empresa disponibiliza o telefone 0800 770 2011 e o site http://recall.subaru.com.br.

Por: G1

Comentários Facebook
Propaganda

Economia

Banco do Brasil libera uso do PIX em seu bot para WhatsApp

Publicados

em

Aproveitando a boa recepção do público, o Banco do Brasil se tornou a primeira instituição financeira do país a liberar o uso do PIX pelo WhatsApp. A novidade foi anunciada nesta semana e funciona de forma relativamente simples.

O usuário só precisa chamar o Banco do Brasil no WhatsApp (61 4004-0001), cadastrar sua conta e escrever a palavra PIX. Após isso, o mensageiro deve exibir um menu com as opções de pagar, receber ou cadastrar chave PIX.

Imagem/Reprodução: mobiletime

O bot usado pelo Banco do Brasil foi anunciado no ano passado e já faz uma série de outras operações. Caso o usuário já tenha se cadastrado no PIX, o uso da ferramenta no WhatsApp é ainda mais fácil:

Em casos de pagamento, o assistente virtual deve solicitar a chave PIX do recebedor e o valor. O banco deve informar o nome e a instituição de destino para confirmar a transação. Caso tudo esteja certo, basta apenas responder “sim” para receber um link seguro onde será necessário digitar a senha. Após essa etapa, o comprovante é exibido no mensageiro e pode ser compartilhado.

Caso o usuário queira receber, basta apenas escolher a opção no menu e informar a chave de recebimento, valor e descrição. Assim, o WhatsApp deve exibir um QR Code para ser compartilhado com o pagador. Vale lembrar que o Banco do Brasil é parceiro do sistema de pagamentos do WhatsApp, que ainda não foi liberado pelo Banco Central.

Leia mais:  Instagram e Messenger recebem mensagens secretas e mais novos recursos; confira

FONTE: https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n166485/banco-do-brasil-pix-whatsapp-bot-pagamentos.html

Comentários Facebook
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana