conecte-se conosco


CIÊNCIA E SAÚDE

Ministério da Saúde divulga versão de orientações sobre cloroquina com assinatura de secretários

Publicado em

CIÊNCIA E SAÚDE

Ministério da Saúde divulgou na tarde desta quinta-feira (21) uma nova versão do documento técnico no qual recomenda que médicos receitem a cloroquina e a hidroxicloroquina mesmo em casos leves de Covid-19. Agora aparecem as assinaturas de secretários no texto batizado de “Orientações do Ministério da Saúde para manuseio medicamentoso precoce de pacientes com diagnóstico da Covid-19”.

Na primeira versão, o documento não apresentava os responsáveis pela recomendação. Agora, assinam o documento: Mayra Isabel Correia Pinheiro, Secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde; Cleusa Rodrigues da Silveira Bernardo, Secretária de Atenção Especializada à Saúde, Substituta; Robson Santos da Silva, Secretário Especial de Saúde Indígena; Daniela de Carvalho Ribeiro, Secretária de Atenção Primária à Saúde, Substituta; Vania Cristina Canuto Santos, Secretária de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde, Substituta; Wanderson Kleber de Oliveira, Secretário de Vigilância em Saúde; e Antônio Elcio Franco Filho, Secretário-Executivo, Substituto.

Nota do ministério

“Sobre a assinatura do documento das “orientações para manuseio medicamentoso precoce de pacientes com diagnóstico da COVID-19”, o Ministério da Saúde informa que o tema vinha sendo discutido no âmbito do Ministério da Saúde por seu corpo técnico. Para deixar clara a participação e o envolvimento de todas as secretarias, os titulares das pastas assinaram o documento ainda na quarta-feira (20).”

Em nova versão, secretários assinam documento sobre a cloroquina — Foto: Reprodução/Ministério da Saúde

Em nova versão, secretários assinam documento sobre a cloroquina — Foto: Reprodução/Ministério da Saúde

Leia mais:  Pandemia do novo coronavírus avança em cidades mineradoras de Minas Gerais

 

Por: G1

Comentários Facebook
Propaganda

CIÊNCIA E SAÚDE

Capacitação para agentes de endemias em Carneirinho

Publicados

em

Na manhã de hoje (22), os Agentes de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde de Carneirinho participaram de uma capacitação de como usar como usar veneno pra matar as larvas em reservatórios e recipientes.

De acordo com o Diretor de Vigilância Sanitária e Epidemiologia, Fábio Souza Ribeiro (Fabio Caixeta), antes o produto utilizado era em pó e agora é em comprimido.

Comentários Facebook
Leia mais:  Brasil assume primeiro lugar em número de recuperados de covid-19
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana