conecte-se conosco


ITURAMA E REGIÃO

Juiz concede liminar para funcionamento de salões de beleza em Rio Preto

Publicado

O juiz da 1ª Vara da Fazenda de Rio Preto, Adilson Araki Ribeiro, concedeu nesta terça-feira, 26, liminar em mandado de segurança para permitir o funcionamento de salões de beleza em Rio Preto. A decisão ocorre antes do anúncio pelo governo do Estado da flexibilização de setores do comércio no município, a chamada “quarentena inteligente”.

A decisão é válida apenas para os profissionais que entraram com a medida judicial. “Trata-se de mandado de segurança na qual a impetrante que explora a atividade econômica de salão de beleza postula liminar a fim de que seja autorizada a funcionar após a revogação da autorização dada pelo decreto municipal 15586 de 15/4/20. A liminar deve ser concedida”, escreveu o magistrado na decisão.

De acordo com Ribeiro, o estabelecimento pode voltar a funcionar pois é considerado atividade essencial com respaldo por lei federal 13979/20. Ele ressalta que os salões de beleza estavam em funcionamento desde o dia 15 de abril e todas as normas de higiene e distanciamento elencadas no próprio decreto municipal estavam sendo cumpridas.

Leia mais:  POLÍCIA MILITAR APREENDE CELULARES QUE SERIAM ENTREGUES EM PRESÍDIO DE ITURAMA

Em despacho ele ressalta que há “ilegalidade em não respeitar lei federal, há entendimento possível de que seja atividade essencial, de modo que defiro a liminar para que volte a funcionar com as restrições sanitárias que vinha fazendo desde o decreto municipal de 15/4/2020”, afirmou o juiz.

Ele exigiu porém, que os atendimentos sejam feitos com o agendamento de uma pessoa por vez, o local seja arejado o “maior possível”, a entrada e permanência de todos com máscaras, clientes e funcionários de aplicação álcool em gel acessível a todos que ali estejam, ocorra a higienização do local, sempre que possível com água sanitária e cloro para exterminar o vírus.

Segundo o juiz, os locais poderão passar por fiscalização e, caso o proprietário não cumpra com as determinações, poderá ser autuado em caso de “desrespeito a esta decisão”.

 

Por: Diário Da Região

Comentários Facebook
publicidade

ITURAMA E REGIÃO

Batida frontal entre caminhão e van deixa 12 mortos e 1 ferido na BR-365, em Patos de Minas

Publicado

Uma batida frontal entre um caminhão e uma van na BR-365 deixou 12 mortos e 1 ferido em Patos de Minas (MG), na madrugada deste domingo (20).

Segundo o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, os mortos são 11 passageiros que estavam na van, que seguia para Patrocínio (MG), e o motorista do caminhão, que tem placa de Itabaiana (SE).

Um passageiro da van foi socorrido para o Hospital Regional de Patos de Minas em estado grave, com ferimentos na cabeça, no abdome e no joelho.

Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Patos de Minas, que ainda não divulgou a identidade das vítimas.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a suspeita é que o motorista da van tentou desviar de uma árvore que caiu na pista por conta de uma queimada e atingiu o caminhão que estava no sentido contrário.

“A árvore teria sido resultado de uma queimada que teria ocorrido às margens da rodovia, a base da árvore estava queimada, danificada pelo fogo. E essa árvore caiu bloqueando metade da pista de rolamento”, explicou o PRF João Alvarenga.

Leia mais:  Parque do Sabiá em Uberlândia inicia construção de nova portaria

O acidente ocorreu no km 373 da rodovia, num trecho conhecido como Curva dos Moreiras. Os bombeiros informaram que a van seguia para Patrocínio.

Segundo acidente

De acordo com a PRF, cinco minutos após a pista ter sido totalmente liberada, um segundo acidente foi registrado.

Batida traseira entre dois caminhões em Patos de Minas (MG) — Foto: Paulo Barbosa/G1

A PRF informou que por pressa e falta de atenção, um caminhão bateu na traseira do outro, espalhando a carga pelo local.

A pista novamente teve que ser interditada e, até o momento, funciona em sistema pare e siga.

O trecho será totalmente liberado após a remoção dos caminhões.

Após segundo acidente, pista foi novamente interditada em Patos de Minas (MG) — Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação

 

 

Por: G1

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana