conecte-se conosco


POLÍTICA

Indicação de Bia Kicis na CCJ seria declaração de guerra ao STF, dizem ministros

Publicado

source
Deputada bolsonarista Bia Kicis
Maryanna Oliveira/Agência Câmara

Deputada bolsonarista Bia Kicis

Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) teriam recebido a notícia da provável i ndicação da deputada Bia Kicis (PSL-DF) à CCJ (Comissão de Constituição de Justiça) como uma declaração de guerra ao Supremo.

Segundo apuração da CNN Brasil , ministros do Supremo procuraram ministérios de Jair Bolsonaro e parlamentares do alto escalão para demonstras insatisfação com a entrega da principal comissão da Câmara à deputada.

O desconforto decorre do fato de que Kicis. ao longo do seu mandato de deputada, protagonizou diversas afrontas à Corte. Entrer elas, o pedido de impeachment dos ministros Gilmar Mendes e Alexandre de Moraes, além de ter xingado o ministro aposentado Celso de Mello de “juiz de merda”.

A parlamentar também é autora de uma PEC (proposta de emenda à Constituição) para antecipar a aposentadoria dos integrantes da corte para 70 anos. A intenção de Kicis é possibilitar Bolsonaro de indicar mais nomes ao tribunal até o fim de seu mandato, já que, se a PEC for aprovada, os ministros Marco Aurélio Mello, Rosa Weber e Ricardo Lewandowski teriam de se aposentar.

Leia mais:  Bolsonaro seria oportunista se mudasse discurso sobre mortes, dizem aliados

Hoje, os ministros se aposentam compulsoriamente aos 75 anos. Assim, até o fim de 2022, Bolsonaro indicará apenas o sucessor do agora decano Marco Aurélio Mello.

Comentários Facebook
publicidade

POLÍTICA

Ciro Gomes pede impeachment de  Bolsonaro: “condena população à morte”

Publicado

por

source
Ciro Gomes falou sobre a pandemia e pediu o impeachment de Jair Bolsonaro em suas redes sociais
Reprodução: iG Minas Gerais

Ciro Gomes falou sobre a pandemia e pediu o impeachment de Jair Bolsonaro em suas redes sociais

O ex-candidato à presidência da República, Ciro Gomes (PDT) , comentou nesta sexta-feira (26) sobre a atuação de Bolsonaro na pandemia em um momento que o sistema de saúde tem entrado em colapso em diversas cidades . Ele voltou a pedir o impeachment do presidente.

“Mais uma vez me dirijo ao que resta de decência do Congresso Nacional: manter Bolsonaro como presidente é manter nosso povo acuado, sem emprego, sem renda, sem comida e condenado à morte!”, disse em sua conta no Twitter.

Ciro afirmou que a rejeição de Bolsonaro às medidas de contenção à Covid-19 e a promoção de aglomerações é “criminosa”. 

Leia mais:  Humans Right Watch diz que Bolsonaro atrapalha o combate do novo coronavírus

“O Brasil está muito próximo de viver uma tragédia assustadora! Governadores e prefeitos estão tentando proteger a população com medidas restritivas, como toque de recolher e lockdown”, defendeu. “E Bolsonaro, CRIMINOSAMENTE, promove aglomerações em municípios com graves índices de Covid-19”, completou. 

“Bolsonaro está condenando a população brasileira a assistir ainda mais mortes. Repito: o que está projetado para os próximos dias é terrível. É o colapso do sistema de saúde!” 

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana