conecte-se conosco


POLÍTICA

Haddad lidera pesquisa para o Governo de SP com 20%, seguido de França e Alckmin

Publicado em

POLÍTICA

source
Ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad lidera pesquisa para o governo de SP
Ricardo Stuckert

Ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad lidera pesquisa para o governo de SP

O ex-prefeito Fernando Haddad (PT) lidera numericamente a pesquisa Ipespe/Valor com 20% das intenções de voto, à frente de Márcio França (PSB) , 18%, e Geraldo  Alckmin (PSDB), 17%.

Atrás do trio, aparecem Arthur do Val (Patriotas), com 5%, o ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub , com 4% e o vice-governador Rodrigo Garcia (DEM), com 1%. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais.

Votos em branco e nulos marcam 29%, enquanto 7% dos entrevistados não souberam responder em quem pretendem votar.

Em um cenário sem Haddad, mas com Boulos (PSOL), há outro empate técnico triplo na liderança. França e Alckmin aparecem com 17%, enquanto o psolista tem 16%.

Feita entre os dias 5 e 7 de abril em todo o estado de São Paulo, a pesquisa Ipespe/Valor contou com 1.000 entrevistas.

Leia mais:  Bolsonaro diz que já tem candidatos em São Paulo, Santos e Manaus


Comentários Facebook
Propaganda

POLÍTICA

Gentili se reúne com ex-marqueteiro de Bolsonaro por candidatura em 2022

Publicados

em

Por

source
Danilo Gentili pode concorrer à presidência em 2022
Reprodução/SBT

Danilo Gentili pode concorrer à presidência em 2022

Danilo Gentili deve concorrer à presidência em 2022. O apresentador teria se reunido, neste sábado (10), com o ex-marqueteiro de Bolsonaro, André marinho, além de membros do MBL (Movimento Brasil Livre). As informações são da jornalista Mônica Bergamo.

O MBL vê como trunfo o fato de Gentili grande alcance entre os jovens. O apresentador seria importante para tirar votos de Jair Bolsonaro (sem partido), em uma tentativa do grupo de tirar o atual presidente do segundo turno .

Segundo a jornalista, líderes do MBL , como Renan Santos e o deputado Kim Kataguiri (DEM-SP) pretendem se agregar em um mesmo partido em 2022 para as candidaturas a cargos eletivos. Nessa estratégia, Gentili seria um bom ‘puxador de votos’.

O grupo teria se animado com a provável candidatura de Gentili após o  ex-juíz e ministro da Justiça, Sergio Moro, dizer que votaria no apresentador.

Comentários Facebook
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana