conecte-se conosco


Tecnologia

Google conecta mais ferramentas de trabalho ao Gmail

Publicado em

Tecnologia

Google, afirmou nesta quarta-feira (15) que os usuários corporativos do Gmail poderão editar documentos e outros arquivos sem sair do serviço.

Com isso, a empresa busca atrair clientes de serviços ofertados pela concorrência, como o Office, da Microsoft, que domina o mercado global de ferramentas corporativas de edição de documentos e email.

O anúncio foi feito na conferência anual de clientes e parceiros da unidade de computação em nuvem do Google, que se transformou em uma reunião virtual por várias semanas, devido à nova pandemia de coronavírus.

Tanto o Google, como a Microsoft adicionaram novos recursos de videochamada e outras ferramentas de colaboração para atrair novos usuários corporativos.

Vantagem

O Google afirma que encontrou uma vantagem com os clientes em potencial ao promover o Gmail como um hubúnico para os funcionários acessarem bate-papos por texto, videochamadas e agora documentos. A Microsoft limitou os vínculos entre suas ferramentas de e-mail e bate-papo, Outlook e Teams.

“A Microsoft ainda está lhe dizendo que há dois lugares a serem verificados, dois hábitos diferentes, duas caixas de entrada”, disse Javier Soltero, vice-presidente do Google que trabalhava na Microsoft, em entrevista nesta quarta-feira.

Leia mais:  'Gatonet de lives' engana fãs de sertanejos e rouba doações de combate ao coronavírus

Usuários que utilizam a versão gratuita do Gmail poderão ter acesso às novas integrações no futuro, disse Soltero.

A Microsoft, que continuou a registrar um rápido crescimento da receita do Office, não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

Nesta quarta-feira, o Google apresentou algumas opções que já existem no Microsoft Teams, incluindo a capacidade de os usuários de bate-papo listarem um aviso de “fora do escritório” e “marcarem” as conversas para facilitar a localização mais tarde.

Por: G1

Comentários Facebook
Propaganda

Economia

Banco do Brasil libera uso do PIX em seu bot para WhatsApp

Publicados

em

Aproveitando a boa recepção do público, o Banco do Brasil se tornou a primeira instituição financeira do país a liberar o uso do PIX pelo WhatsApp. A novidade foi anunciada nesta semana e funciona de forma relativamente simples.

O usuário só precisa chamar o Banco do Brasil no WhatsApp (61 4004-0001), cadastrar sua conta e escrever a palavra PIX. Após isso, o mensageiro deve exibir um menu com as opções de pagar, receber ou cadastrar chave PIX.

Imagem/Reprodução: mobiletime

O bot usado pelo Banco do Brasil foi anunciado no ano passado e já faz uma série de outras operações. Caso o usuário já tenha se cadastrado no PIX, o uso da ferramenta no WhatsApp é ainda mais fácil:

Em casos de pagamento, o assistente virtual deve solicitar a chave PIX do recebedor e o valor. O banco deve informar o nome e a instituição de destino para confirmar a transação. Caso tudo esteja certo, basta apenas responder “sim” para receber um link seguro onde será necessário digitar a senha. Após essa etapa, o comprovante é exibido no mensageiro e pode ser compartilhado.

Caso o usuário queira receber, basta apenas escolher a opção no menu e informar a chave de recebimento, valor e descrição. Assim, o WhatsApp deve exibir um QR Code para ser compartilhado com o pagador. Vale lembrar que o Banco do Brasil é parceiro do sistema de pagamentos do WhatsApp, que ainda não foi liberado pelo Banco Central.

Leia mais:  Honda convoca recall de HR-V, Civic e Accord por falha na bomba de combustível

FONTE: https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n166485/banco-do-brasil-pix-whatsapp-bot-pagamentos.html

Comentários Facebook
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana