conecte-se conosco


Policial

Em Uberaba, Polícia Civil e Gaeco apreendem materiais em casa de suspeito de integrar quadrilha especializada em furto de petróleo

Publicado em

Policial

Operação ‘Porto Negro’ em Uberaba — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Mandado de busca e apreensão faz parte da Operação ‘Porto Negro’; além de MG, ação foi realizada nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná. Prejuízo com as perfurações realizadas pela organização criminosa é de aproximadamente R$ 2 milhões.

Um mandado de busca e apreensão foi cumprido em Uberaba, na manhã desta terça-feira (2), durante a Operação “Porto Negro”, que visa desarticular uma organização criminosa especializada em furto de petróleo diretamente de dutos da Transpetro/Petrobras. Celulares, documentos e cheques foram apreendidos na casa do suspeito de integrar a quadrilha.

Na cidade mineira, o mandado foi cumprido no Bairro Residencial Rio de Janeiro pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) e o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). As investigações apontam que o suspeito, de idade não divulgada, fazia financiamento dos furtos em dutos na região do Triângulo Mineiro.

A operação foi deflagrada pela Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro (PCERJ), e Gaeco Rio de Janeiro. Ao todo, foram cumpridos cinco mandados de prisão e 14 mandados de busca e apreensão. Além do RJ e MG, a ação também foi realizada nos estados de São Paulo e Paraná.

Leia mais:  Ipatinga - Jovem é preso em operação com 15 kg de maconha

No RJ, foram presos quatro suspeitos de integrar a quadrilha. Um dos alvos da ação é um capitão da Polícia Militar (PM), que não foi localizado e já é considerado foragido. Segundo as investigações, Marcelo Queiroz dos Anjos, lotado na Diretoria Geral de Pessoal da PM, é um dos líderes do esquema.

O prejuízo com as perfurações realizadas pela organização criminosa é de aproximadamente R$ 2 milhões.

Túnel perfurado por quadrilha para roubar petróleo de duto da Petrobras — Foto: Reprodução/TV Globo

Abertura de ruas e túneis

As investigações começaram há seis meses, após uma perfuração de dutos da Transpetro no município de Guapimirim (RJ), em junho de 2020.

Os agentes também identificaram perfurações para furto de petróleo em Nova Iguaçu e em Queimados, também na Baixada Fluminense.

Nestes municípios, foram furtados, respectivamente, 47 mil litros e 21 mil litros de petróleo, totalizando 169, 5 mil litros do combustível em três roubos diferentes.

“Chamou a atenção a sofisticação dessa organização criminosa, que passou a furtar milhares de litros da Petrobras, causando um prejuízo de R$ 2 milhões. Conseguimos concretizar pelo menos três furos, feitos com perfeição”, afirmou o delegado André Leiras, titular da Delegacia de Serviços Delegados (DDSD), no Bom Dia Rio.

Leia mais:  Mulher é encontrada morta em apartamento em Votuporanga

Em Queimados, os criminosos chegaram a construir um túnel subterrâneo para acessar o duto e também alugaram uma retroescavadeira para abertura de uma via de acesso para caminhões tanque para retirar o petróleo.

De acordo com as investigações, o petróleo subtraído no Rio de Janeiro era transportado para a cidade de Rolândia (PR), para adulteração e revenda.

“Essa investigação será desdobrada para alcançar outros membros dessa organização criminosa”, disse o delegado.

Em 2019, a Delegacia de Serviços Delegados (DDSD) e o Ministério Público prenderam um homem que era o coordenador de um esquema de roubo de combustíveis no interior do Rio.

Por: G1 Triângulo e Alto Paranaíba

Comentários Facebook
Propaganda

ITURAMA E REGIÃO

Entregador é vítima de roubo a mão armada em Frutal

Publicados

em

O entregador de um disk-cervejas foi roubado a mão armada por volta das 20h30 do último sábado. De acordo com a vítima, ele foi realizar uma entrega em um endereço próximo ao cemitério e, ao chegar na rua, não encontrou o número da casa informada no pedido. .Ao se deslocar para retornar, foi abordado por um homem branco, estatura mediana, com camisa social manga longa floral, de cor preta, calça jeans preta e, com uma pistola apontada para ele, anunciou o assalto.

A vítima acatou as ordens do autor e desceu do veículo, uma Honda Titan CG 150, MIX ES, cor preta, com placas de Frutal O ladrão então se apoderou ainda do capacete e uma pochete de cor preta onde havia R$2 em dinheiro, fugindo em seguida pela rua José do Patrocínio, sentido ao bairro Princesa Isabel.

Apesar dos rastreamentos, até o momento nem a moto nem o autor foram localizados.

Por: Portari

Comentários Facebook
Leia mais:  Iturama: Polícia Penal encontra material ilícito em marmitas
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana