conecte-se conosco

EDUCAÇÃO

Curso de Medicina doa roupas e alimentos ao Fundo Social de Solidariedade

Publicado

Iniciativa foi organizada pelos alunos do Centro Acadêmico (CAMEV) da graduação; entrega foi realizada na última segunda-feira (dia 9)

O início da semana foi repleto de solidariedade para os alunos do curso de Medicina da UNIFEV. Em uma iniciativa organizada pelo Centro Acadêmico (CAMEV) da graduação, foram entregues ao Fundo Social de Solidariedade (FSS), na manhã da última segunda-feira (dia 9), cerca de 1,1 tonelada de alimentos não perecíveis e mais de 4,5 mil peças de roupas.

Esteve presente para receber as doações coletadas durante o ano de 2019, a presidente do FSS e primeira-dama de Votuporanga, Mônica Pesciotto de Carvalho. A iniciativa, que já se tornou tradicional para os universitários de Medicina, destina, anualmente, milhares de alimentos e itens de vestuário a entidades assistenciais do município, vinculadas ao órgão.

Para o coordenador do curso, médico-cardiologista Prof. Me. Mauro Esteves Hernandes, a ação contribui com a comunidade, ao mesmo tempo em que desenvolve a responsabilidade social nos estudantes. “Todos os anos, nossos alunos conseguem resultados incríveis com este trabalho. Como futuros médicos, é importante que eles desenvolvam e exercitem o cuidado com o próximo desde o momento da formação. Um agradecimento especial a todos que fazem do projeto uma realidade”, comemorou.

Leia mais:  NOVOS CONSELHEIROS TUTELARES DE ITURAMA TOMAM POSSE HOJE

Comentários Facebook
publicidade

EDUCAÇÃO

Minas Gerais é o estado com mais redações nota 1.000 no Enem 2019

Publicado

O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgaram nessa sexta-feira (17) as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, e Minas Gerais foi o estado com o maior número de redações nota máxima: 13, em um total de 53 no país.

A maioria dos estudantes que receberam essa nota foram mulheres: 32, ou seja, aproximadamente 60% do total. Das 13 notas 1.000 em Minas, 10 foram foram de mulheres. Entre elas, a estudante Stela Terra Lopes, de 18 anos. A jovem teve poucas aulas de redação na Escola Estadual Sagrada Família 2, localizada no região Leste de Belo Horizonte, ao longo do ano.

O tema desta edição foi Democratização do acesso ao cinema no Brasil. O texto deveria ser do tipo dissertativo-argumentativo, com até 30 linhas, desenvolvido a partir da situação-problema proposta e de ideias oferecidos pelos textos motivadores presentes no exame.

As redações com nota máxima são de estados do Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste: Alagoas (1); Bahia (1); Ceará (6); Distrito Federal (2); Goiás (4); Maranhão (1); Mato Grosso do Sul (1); Minas Gerais (13); Paraíba (1); Pará (2); Pernambuco (1); Piauí (2); Rio Grande do Norte (3); Rio Grande do Sul (3); Rio de Janeiro (6); São Paulo (4).

Leia mais:  Revitalização da sinalização horizontal em Iturama

Redações com menos de sete linhas recebem nota zero, assim como as que reproduzem integralmente trechos dos textos motivadores e de itens do Caderno de Questões.

Por: O Tempo

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana