conecte-se conosco


POLÍTICA

Cidadania, Saúde e mais: Centrão cobra ministérios prometidos por ajuda a Lira

Publicado

source
Após vitória de Lira, Centrão inicia cobrança de promessas feitas pelo governo
Cleia Viana/Câmara dos Deputados

Após vitória de Lira, Centrão inicia cobrança de promessas feitas pelo governo

As movimentações de bastidores para que o bloco do Centrão fique com alguns ministérios do governo Bolsonaro ganharam força nesta terça-feira (2), um dia após a vitória de  Arthur Lira na eleição para a Presidência da Câmara dos Deputados. Após garantirem o apoio ao candidato do presidente, as siglas agora miram o recebimento de pastas como a da Cidadania, da Saúde e da Educação.

Segundo informações do blog da jornalista Andréia Sadi, a “cobrança” do Centrão junto ao Planalto já começou e o grupo cogita até a recriação do Ministério da Indústria , criado em 1960 e extinto durante o mandato do ex-presidente e atual senador Fernando Collor (PROS-AL).

Entre as principais promessas, e a primeira que deve sair do papel, está a passagem do Ministério da Cidadania , hoje ocupado por Onyx Lorenzoni, para o Republicanos, partido ligado à Igreja Universal e “casa” de Flávio e Carlos Bolsonaro .

Ainda de acordo com a publicação, o favorito para o cargo é o deputado federal Marcio Marinho, com Jhonatan de Jesus, atual líder da sigla na Câmara, e João Roma como opções. Já Onyx seria direcionado à  Secretaria-Geral da Presidência da República, que fica no Palácio do Planalto e é comandada interinamente por Pedro César Nunes Ferreira Marques de Souza.

Comentários Facebook
publicidade

POLÍTICA

Ciro Gomes pede impeachment de  Bolsonaro: “condena população à morte”

Publicado

por

source
Ciro Gomes falou sobre a pandemia e pediu o impeachment de Jair Bolsonaro em suas redes sociais
Reprodução: iG Minas Gerais

Ciro Gomes falou sobre a pandemia e pediu o impeachment de Jair Bolsonaro em suas redes sociais

O ex-candidato à presidência da República, Ciro Gomes (PDT) , comentou nesta sexta-feira (26) sobre a atuação de Bolsonaro na pandemia em um momento que o sistema de saúde tem entrado em colapso em diversas cidades . Ele voltou a pedir o impeachment do presidente.

“Mais uma vez me dirijo ao que resta de decência do Congresso Nacional: manter Bolsonaro como presidente é manter nosso povo acuado, sem emprego, sem renda, sem comida e condenado à morte!”, disse em sua conta no Twitter.

Ciro afirmou que a rejeição de Bolsonaro às medidas de contenção à Covid-19 e a promoção de aglomerações é “criminosa”. 

Leia mais:  Toffoli suspende buscas no gabinete de José Serra

“O Brasil está muito próximo de viver uma tragédia assustadora! Governadores e prefeitos estão tentando proteger a população com medidas restritivas, como toque de recolher e lockdown”, defendeu. “E Bolsonaro, CRIMINOSAMENTE, promove aglomerações em municípios com graves índices de Covid-19”, completou. 

“Bolsonaro está condenando a população brasileira a assistir ainda mais mortes. Repito: o que está projetado para os próximos dias é terrível. É o colapso do sistema de saúde!” 

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana