conecte-se conosco

POLÍTICA

Bolsonaro “não tem o menor conhecimento” sobre o coronavírus, diz Caiado

Publicado

source
Governador de Goiás, Ronaldo Caiado arrow-options
DIVULGAÇÃO/GOVERNO DE GOIÁS

Governador de Goiás, Ronaldo Caiado

O governardor de Goiás , Ronaldo Caiado , disse que ficou “indignado” com o discurso do presidente Jair Bolsonaro em rede nacional de televisão e rádio nesta terça-feira (24) e que o presidente “não tem o menor conhecimento” sobre o novo coronavírus . A declaração foi dada ao jornal Folha de S. Paulo , ao qual ele também disse que achou que o vídeo exibido fosse “uma montagem”.

Em sua mensagem, Bolsonaro voltou a minimizar o risco do vírus, o chamando de “gripezinha” e “resfriadinho”, e atacou medidas adotadas pelos estados de restrição ao funcionamento de atividades econômicas, dizendo que era preciso abandonar a ideia de “terra arrasada”.

Leia também: “Frases de efeito não vão resolver o nosso problema”, diz Maia

“Minha indignação é ele tratar de um assunto do qual ele não tem o menor conhecimento. Não se assessorou de ninguém para produzir um texto tão irresponsável”, afirmou Caiado.

O governador, que é médico, também impôs limitações ao comércio em Goiás para amenizar os efeitos do vírus e criticou o risco econômico como argumento para flexibilizar essas medidas.

Leia mais:  'Um milhão de armas tá pouco', diz Mourão sobre aumento de registros

“Ele [Bolsonaro] deve ter sido contaminado por algum empresário que só enxerga cifrão”, disse. “Está mais preocupado com CNPJ do que com CPF.”

Comentários Facebook
publicidade

POLÍTICA

Paschoal diz que militares derrubarão Bolsonaro caso ele siga contra isolamento

Publicado

por

source

Nesta quinta-feira (02), em resposta a uma postagem do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no Twitter, a deputada estadual Janaína Paschoal (PSL-SP) declarou que os militares vão tirá-lo do poder caso ele continue “fazendo graça enquanto o povo sofre”.  

Leia também: Lula volta a criticar Bolsonaro e chama combate à Covid-19 de “guerra”

janaina paschoal arrow-options
Sérgio Galdino

janaina paschoal

No vídeo publicado por Bolsonaro , uma mulher identificada como professora critica os governadores pelo isolamento social – medida adotada para combater  o novo coronavírus ( Covid-19 ). O presidente tem protagonizado atritos públicos com os governadores e até com o próprio ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, por relativizar a importância da quarentena.

Leia também: Bolsonaro diz que auxílio de R$ 600 começará a ser pago na próxima semana

“Se o senhor não parar com essas postagens, os militares vão para a rua para retirar o senhor, com base no artigo 142 da Constituição Federal. Meu povo sofrendo e o senhor fazendo graça. Pelo amor de Deus, amadureça!”, escreveu Janaína Paschoal .

Leia mais:  CCJ do Senado aprova pacote anticrime com propostas de Moro desidratadas

Leia também: Planalto: Bolsonaro pediu a servidores de home office para voltarem a expediente

O artigo 142, citado na resposta a Bolsonaro , descreve que “as Forças Armadas, constituídas pela Marinha, pelo Exército e pela Aeronáutica, são instituições nacionais permanentes e regulares, organizadas com base na hierarquia e na disciplina, sob a autoridade suprema do Presidente da República, e destinam-se à defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem”.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana