conecte-se conosco


POLÍTICA

Advogado comenta áudios da Operação Spoofing; veja vídeo

Publicado em

POLÍTICA

source
Advogado Augusto de Arruda Botelho
Reprodução

Advogado Augusto de Arruda Botelho

O advogado criminalista Augusto de Arruda comentou as novas mensagens divulgadas pelo site The Intercept Brasil nas quais o procurador Deltan Dallagnol conversa com colegas de trabalho em um grupo no Telegram acreditando ter provas contra o ex-presidente Lula .

Nos diálogos, Dallagnol diz que “parece que acharam o Cristo do alejadinho no cofre do BB… se for isso, será nosso primeiro respiro”. Ao ser questionado por um dos colegas sobre o que era o cofre do BB, o procurador responde: “operação de hoje no cofre do BB em nome do Lulinha e da Marisa, pra cujos nomes foi passado após depósito do Aurélio… lá está a cruz do alejadinho que estava desde Itamar no Planalto… prov de valor inestimável”.

Horas depois, Dallagnol descobriu que se tratava de um engano. “Cara, agora sente. Descobrimos que o crucifixo é dele mesmo. Recebeu de presente. Pqp. Matérias furadas na internet. Mas há 23 caixas com itens de valor, inclusive com número de catálogo (patrimônio?)… vamos ver o que sai desse mato”, escreveu.

Leia mais:  Militar do Ministério da Saúde é indicado por Bolsonaro para diretoria da Anvisa

Veja o vídeo do advogado:

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍTICA

“Vou tomar por último, tem muita gente apavorada”, diz Bolsonaro sobre vacina

Publicados

em

Por

source
Presidente Jair Bolsonaro
Foto: Agência Brasil

Presidente Jair Bolsonaro

Na sexta-feira (16), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou que não pretende tomar a vacina da Covid-19 agora. Em conversa com apoiadores que o esperavam em frente ao Palácio da Alvorada, o presidente justificou que a decisão é pelo fato de ter “muita gente apavorada” esperando pela vacina.

“O que acontece, tem muita gente apavorada aí aguardando a vacina, então deixa as pessoas tomarem na minha frente. Vou tomar por último. Eu acho que essa é uma atitude louvável. Porque tem gente que não sai de casa, está apavorado dentro de casa”, disse Bolsonaro. O presidente chegou a se queixar que a imprensa teria criticado a sua decisão de se vacinar por último. “Em vez da imprensa me elogiar, me critica”, afirmou.

Bolsonaro está apto a receber a vacina no Distrito Federal desde o dia 3 de abril. Antes, ele explicava que não ia se vacinar porque já teria contraído o vírus em julho do ano passado.

De acordo com dados do consórcio de veículos de imprensa da quinta-feira (15), 25.460.098 pessoas já receberam a primeira dose de vacina contra a Covid-19. O número representa 12,02% da população brasileira. A segunda dose já foi aplicada em 8.558.567 pessoas (4,04% da população do país) em todos os estados e no Distrito Federal.

Comentários Facebook
Continue lendo

ITURAMA E REGIÃO

POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

Mais Lidas da Semana